Benjamim Machado cede a pressão e renuncia a presidência do Potiguar

Benjamim Machado cede a pressão e renuncia a presidência do Potiguar.

Dirigente estava pressionado a abandonar o cargo pela torcida e por antigos membros do clube.

O cenário de caos pós goleada acirrou os ânimos nos bastidores. Protesto de torcida, reclamações nas redes sociais, pressão também de dirigentes do clube por uma mudança de atitude dentro do Potiguar. Tudo isso precisava gerar uma consequência e de maneira urgente.

Ainda na noite da segunda (01), o blog Larissa Maciel recebeu informações de que o presidente Benjamim Machado já havia deixado pronta uma carta de renúncia a presidência do clube.

Um detalhe anterior a isto é que a ação de páginas de torcedores do Potiguar deu certo. Em uma das postagens de “denúncias”, o gerente de futebol Neto Juremal aparece em provável reunião com o empresário Pezão, envolvido em polêmicas recentes do futebol paraibano quanto a manipulação de resultados. Essa foto culminou com o pedido de saída de Neto e o completo isolamento do presidente.

Após uma manhã de espera da confirmação oficial, em reunião conjunta com o conselho deliberativo, Benjamim Machado entregou a carta renúncia e deixou o caminho aberto para uma nova gestão.

O vice presidente também entregou o cargo por chamada de vídeo.

Benjamim atuou pela primeira vez como presidente alvirrubro em 2005. Depois teve passagens de 2010 a 2013, retornou também em 2016. Na última eleição, renovou o seu mandato e nesta temporada não poderia ser candidato novamente ao cargo:

Blog da larissamaciel.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *